HÀ FEST! // EM SEGURANÇA

MEDIDAS GERAIS DE PREVENÇÃO

 

No Há Fest!, independentemente da natureza dos eventos serão adotadas, entre outras, as seguintes medidas gerais de prevenção:

 

a) Quanto à organização funcional
▪ Implementação e divulgação de recomendações para as práticas de higiene, de acordo com as Orientações da DGS em vigor;
▪ Garantia de uma adequada ventilação e arejamento em todos os espaços;
▪ Promoção de um adequado distanciamento entre todos os intervenientes, prevendo todos os cenários que possam favorecer aglomerações de pessoas no decorrer do(s) espetáculo(s) e/ou outros eventos similares;
▪ Planeamento e implementação de planos de higienização e desinfeção específicos para cada espaço, ao qual estará associado um sistema de registo de limpeza afixado em local visível. Os protocolos de limpeza e desinfeção serão adequados a cada área específica (por exemplo, instalações sanitárias, sala de isolamento, sala de refeições, entre outros);
▪ Definição de procedimentos e circuitos de comunicação/articulação interna e externa para cada momento do(s) espetáculo(s)o, no caso de existência de caso suspeito e/ou confirmado de infeção por SARS-Cov-2;
▪ Atribuição, com a devida antecedência, de responsabilidades específicas a cada colaborador/membro da organização, no âmbito da implementação do Plano de Contingência;
▪ Disponibilização, com a devida antecedência, de produtos de desinfeção, garantindo a existência de stock suficiente para todos os locais e intervenientes do(s) espetáculo(s) e/ou eventos;
▪ Afixação de sinalética/ informação nos espaços relativamente a ocupação máxima simultânea dos espaços comuns, circuitos de entrada/saída e circulação no espaço(s) e medidas individuais de proteção;
▪ Constituição de equipa de colaboradores/as e voluntários/as para sensibilizar e fazer cumprir na íntegra as medidas preconizadas no Plano de Contingência do Há Fest!.
▪ Será priorizada a reserva de ingressos/bilhetes via eletrónica e outras formas de interação digital nomeadamente através de QR Code.

 

b) Quanto aos intervenientes
Todos os intervenientes no Há fest!, designadamente colaboradores, convidados, membros da organização, prestadores de serviços, voluntários e todos os participantes ficam obrigados a:
▪ Não comparecer no(s) local(ais) do(s) evento(s) se existirem dúvidas referentes a contacto próximo com caso(s) confirmado(s) de infeção por SARS-CoV-2.
▪ Não comparecer no(s) evento(s) se existência de sinais/sintomas sugestivos de COVID-19, tais como: febre (temperatura ≥ 38.0ºC) sem outra causa atribuível; tosse de novo, ou agravamento do padrão habitual, ou associada a dores de cabeça ou dores generalizadas do corpo; dificuldade respiratória/dispneia, sem outra causa atribuível; perda total ou parcial do olfato (anosmia), enfraquecimento do paladar (ageusia) ou perturbação ou diminuição do paladar (disgeusia) de início súbito;
▪ Estar atento ao desenvolvimento de sinais e/ou sintomas sugestivos de COVID-19, por um período de 14 dias, após participação nos eventos do Há fest! No caso de sinais e/ou sintomas suspeitos deverão entrar em contacto com a linha SNS24 e seguir as instruções fornecidas;
▪ Conhecer o conteúdo e forma de implementação do Plano de Contingência em vigor para a atividade;
▪ Cumprir as regras de segurança na realização de sessões de fotografia/vídeo de grupo.
▪ Utilizar a máscara de forma correta durante todo o período de trabalho e do evento, respeitando as condições de higiene e segurança durante a sua colocação, utilização e remoção);
▪ Substituir a máscara sempre que esta se encontre danificada, húmida ou seja utilizada por longos períodos de tempo;
▪ Evitar tocar nos olhos, nariz e boca sem desinfetar/higienizar as mãos, utilizando preferencialmente lenços de uso único e descartá-los nos contentores apropriados;

 

MEDIDAS GERAIS ATIVIDADES

 

a) Atividades realizadas em espaços interiores:
No local de realização do(s) espetáculo(s) em espaços interiores, será garantido:
▪ Alternância na ocupação dos lugares (um lugar sentado livre entre espectadores que não sejam coabitantes, sendo que na fila anterior os lugares sentados devem ficar desencontrados);
▪ Lotação de 66% da capacidade máxima;
▪ Barreiras de proteção, designadamente em acrílico em pontos de atendimento;
▪ Em espetáculos/eventos com palco, distanciamento entre os artistas e o público, não sendo ocupadas as duas primeiras filas junto ao palco ou, em alternativa, garantida a distância de pelo menos 2 metros entre a boca de cena e a primeira fila ocupada;
▪ Solução antisséptica de base alcoólica (SABA) em pontos/locais estratégicos (entrada e saída do local da atividade, instalações sanitárias, assim como em outros locais de circulação previamente estabelecidos) e junto desta, informação referente aos procedimentos sobre higienização das mãos.
▪ Contentores específicos para resíduos (baldes com tampa acionados por pedal), colocados em locais estratégicos, de forma a ser possível a correta deposição de máscaras utilizadas e lenços de uso único;
▪ Local(ais)/sala(s) de isolamento com circuito(s) de entrada/saída, de modo a evitar a circulação cruzada. A(s) sala(s) de isolamento deverá(ão) estará identificada(s), sinalizada(s) e possuirá uma instalação sanitária privativa ou localizada na sua proximidade.

 

b) Atividades realizadas em espaços exteriores:
Para além de todos os pontos previstos nos espetáculos realizados em espaços interiores, inclui-se também:
▪ Uma delimitação da área envolvente, designadamente através da utilização de barreiras físicas;
▪ A implementação de medidas que previnam e evitem a formação de ajuntamentos: nomeadamente horários desfasados nas entradas e saídas do público, bem como atividades geograficamente dispersas;
▪ A pré-distribuição, no(s) espetáculo(s)/evento(s) ao ar livre, garantindo sempre um distanciamento físico entre espectadores de 1,5 metros;
▪ Definição de lotação máxima do espaço, de acordo com a área;